20 de outubro de 2014

Candidata, nós é que achamos isso tudo ESTARRECEDOR.



Japão aumenta seu poder de letalidade e auto-defesa.



Novos navios da classe Izumo farão o Japão extremamente capaz em relação a auto defesa,  tornando-o uma das nações com capacidade mais letal no planeta. O porta-helicópteros JDS Izumo vem passando por testes de mar intensivos desde o final de setembro, e  o Japão se prepara para lançar também dois destróieres da classe ao longo dos próximos dois anos.
Uma vez prontas, essas embarcações de classe Izumo vão melhorar muito a capacidade, anti-submarino, de superfície, combate aéreo e atividades de assalto anfíbio
Aspectos importantes: Em primeiro lugar, capacidade anti – submarino. a classe Izumo pode potencialmente dobrar a capacidade anti-submarino do Japão. Atualmente, destróieres da classe Shirane do Japão pode levar 9 ou 10 helicópteros, montar duas equipes anti-submarino e levar 16 torpedos também anti-submarino, enquanto os seus grupos de batalha pode equipar 42 torpedos MK-46 anti-submarinos e alguns mísseis 112 ASROC, também anti-submarino, que têm um alcance de 11 km e 22 km, respectivamente. Por outro lado, os destróieres da classe Izumo poderão transportar 14 helicópteros, cinco equipes anti-submarinos e 40 torpedos também anti-submarino, com grupos de batalha que pode equipar 42 MK-46 e 104 ASROC, mísseis anti-submarino. 
Em Segundo lugar, combate aéreo. A classe Izumo pode mais do que o dobro da capacidade atual de combate aéreo do Japão. Os Grupos de batalha de classe Shirane vêm equipados com mais de 300 SM-2MR, RIM-série 7 e RIM-162 mísseis navio-ar com alcance de 16 km e 150 km. Em comparação, o Izumo pode transportar oito F-35 caças furtivos e levar 32 AIM-120, mísseis de médio alcance, e 16 mísseis de curto alcance. Seus grupos de batalha também pode estar equipados com mais de 400 mísseis navio-ar com alcance de 16 km a 150 km. 
Terceiro lugar, combate na superfície. A classe Izumo pode mais do que triplicar a capacidade de combate anti-navio do Japão. O atual destróier de classe Shirane pode transportar 56 mísseis que têm um alcance entre 90 km e 200 km. Mas, com até oito caças F-35 a bordo, o navio da classe Izumo pode transportar até 48 feitos noruegueses de ataque, alargando o seu raio anti-navio até 640 km. Ao mesmo tempo, grupos de batalha da classe Izumo também pode levar mais de 90 mísseis “ship-to-ship”. 
Quarto lugar, combate anfíbio. O classe Izumo vai levar a um aumento dramático no alcance do Japão e gerar agilidades de combate anfíbio. No momento, três navios de desembarque da classe Oosumi do Japão podem ser carregados com 990 militares de marinha, seis embarcações de desembarque e 30 tanques. Cada “carrier-class” Izumo, por outro lado, podem transportar 500 soldados e vários helicópteros e aviões, com uma plataforma que pode atender a cinco helicópteros ou MV-22 Ospreys simultaneamente. Duas embarcações da classe Izumo serão capazes de transportar 1.000 soldados para a linha da frente ao mesmo tempo, reforçando as capacidades de defesa e de invasão.

Isso é um grande gerador de preocupação quando se considera que o Izumo é na verdade um grande deck anfíbio.
 Parece cada vez mais evidente que o Japão é o freio da agressão chinesa na área. Atualmente os EUA pensam em contar com o Japão como principal aliado na área, adaptando suas forças de defesa àquilo que o país poderá oferecer depois que os navios da classe Izuno estiverem em operação.

19 de outubro de 2014

Paginas de ex-dirigentes do PT condenados são atualizadas diariamente com postagens em apoio à candidata Dilma Roussef.

Paginas de ex-dirigentes do PT condenados são atualizadas diariamente com postagens em apoio à candidata Dilma Roussef.



Essa semana o candidato Aécio Neves disse em um debate que vários dirigentes do Partido dos Trabalhadores estão presos. Isso é uma verdade, mas nada impede que mesmo cumprindo pena as suas páginas nas redes sociais sejam constantemente atualizadas, participando ativamente das campanhas de Dilma Roussef.
Delúbio Soares mantém uma fanpage no facebook e outra no twitter. No primeiro ele tem 1.8 mil seguidores e no segundo cerce de 13 mil. A página no facebook chega a receber dezenas de atualizações por hora, a maioria das postagens são em apoio à candidata do Partido dos Trabalhadores, Dilma Roussef. A fanpage também divulga denuncias e números negativos relacionados ao candidato do PSDb, Aécio Neves.
No twitter as postagens são na mesma linha, as 18:00 foi publicado: Aécio trabalhou na ditadura militar, sob as ordens do tenebroso ministro Armando Falcão, da Justiça. Um pouco antes a mensagem era: A rejeição a Aécio cresce nas 3 regiões mais povoadas do Brasil.Fruto do machismo, arrogância e cinismo.
Nas duas páginas consta que Delúbio Soares é um preso político e que as mesmas são atualizadas por companheiros militantes petistas e cutistas. José Genoino também mantém uma página no Twitter, nela também há a informação de que o gerenciamento é feito por amigos.

17 de outubro de 2014

Dilma derrotada no Tribunal Superior Eleitoral não poderá mais CALUNIAR Aécio Neves.


As propagandas eleitorais gratuitas devem se focar em questões do programa de governo e políticas públicas e não ser usadas para ataques pessoais. O entendimento foi firmado pelo Tribunal Superior Eleitoral nesta quinta-feira (16/10) ao determinar a suspensão de uma propaganda eleitoral gratuita da candidata à Presidência Dilma Rousseff, na qual havia ataques ao candidato Aécio Neves, com quem disputa o segundo turno das eleições presidenciais.
A coligação do candidato Aécio Neves entro com a reclamação no TSE solicitando a suspensão da veiculação de vários trechos de propaganda eleitoral, feita em rádio, no dia 15 de outubro. Na solicitação, os autores explicam que a equipe de Dilma Rousseff atacou a honra de Aécio Neves ao afirmar que o mesmo agiu como “no tempo da ditadura” quando governou Minas Gerais. O programa tem o depoimento da ex-presidente do Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais Eneida da Costa.
Na peça, a jornalista diz que “tudo que desagradava o governo Aécio era como no tempo da ditadura, era um telefonema e repórter, o fotógrafo, o jornalista, em qualquer posto, estava ameaçado de perder o seu emprego porque contrariou os desejos do Palácio da Liberdade do governo de Minas dos tucanos". Por 4 votos a 3, o TSE acolheu a solicitação do tucano e suspendeu a publicidade da petista.

O presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, afirmou que, no julgamento desta representação, “a corte reformula uma jurisprudência anterior, permissiva em matéria de propaganda eleitoral gratuita, caminhando no bom sentido de estabelecer que nos programas eleitorais gratuitos as propagandas têm que ser programáticas, propositivas, e que o debate pode ser ácido ou duro, mas relativo a questões programáticas e questões de políticas públicas”.
O ministro disse ainda que a decisão “sinaliza para o futuro um outro tipo de estilo de propaganda eleitoral ao mesmo tempo em que insta o Congresso Nacional a fazer uma alteração legislativa”. O presidente do TSE questionou se “são necessárias seis semanas no primeiro turno de horário eleitoral gratuito”, além de três semanas entre o primeiro e o segundo turnos. “É um novo modelo que se está sinalizando para a propaganda eleitoral gratuita”, sustentou.


Nicolas Maduro, Aliado de DILMA Roussef, mantém políticos adversários presos desde as manifestações do início do ano.


Nesta quinta-feira, 16/10, apareceram imagens em que o coordenador nacional da organização venezuelana Vontade Popular, Leopoldo López, e ex-prefeito de San Cristobal, Daniel Ceballos, foram vistos em atitude de protesto contra o regime de Nicolas Maduro, exigindo não só a sua liberdade, mas de todos presos políticos da Venezuela. Eles agem de acordo com o parecer da Organização das Nações Unidas lançado em 08 de outubro.
A imagem mostrado forte Lopez com flanela laranja, através de uma janela com barras pretas cercadas por várias cercas elétricas e arame farpado, na penitenciária Ramo Verde. Lopez segurava uma folha branca sobre a qual lê "Liberdade ONU = presos políticos."
Em outra fotografia Daniel Ceballos foi flagrado com uma flanela azul em frente a um portão de segurança, segurando com as duas mãos o papel com a mesma mensagem: "prisioneiros políticos ONU = liberdade".
Estas são as primeiras imagens conhecidas de Ceballos durante seu confinamento na prisão militar localizado a apenas 90 minutos da capital, Caracas, uma vez que ele foi preso no dia 19 de março. Para Lopez, já é a terceira vez que consegue ser capturado em imagens desde que foi preso em 18 de fevereiro, de forma arbitrária.
Esta sexta-feira é esperado que a Alta Comissária das Nações Unidas de Genebra para os Direitos Humanos, Ra'ad Zeid Al Hussein, receba Lilian Tintori, esposa de Lopez, para tratar ambos os casos.
Relembre a prisão de LOPEZ e outros eventos contra a política de Nocolás Maduro na Venezuela. Veja aqui.

Revistas de todo o planeta se focam na reta final da eleição presidencial no BRASIL. Maioria das análises concluem que Aécio Neves atualmente é a melhor opção para que o BRASIL saia de uma trajetória que atualmente o direciona para o CAOS econômico-social.





Em geral as analises concluem que o Partido dos Trabalhadores fracassou na condução da economia, e advertem que se o Brasil mergulhar no caos econômico as conquistas sociais obtidas desde a recuperação econômica iniciada no governo de Fernando Henrique Cardoso podem ser perdidas rapidamente.

O ABCNews, jornal americano ligado ao Yahoo, diz que Aécio é o candidato ideal para os negócios com o Brasil, chama a industria atual do Brasil de incipiente e critica o protecionismo exagerado de Dilma.

Rousseff ampliou alcance e o papel do Estado na economia com programas de grandes infra-estruturas e mantém barreiras comerciais para proteger a incipiente indústria brasileira.”

A The Economist, a mais influente publicação sobre economia, diz abertamente que a solução para o Brasil seria eleger Aécio Neves como o novo presidente. O Título de seu último artigo é: “Por que o Brasil precisa mudar”. Entre outras colocações, citamos:

o Sr. Neves transformou Minas Gerais, segundo estado mais populoso estado do Brasil, em um exemplo de boa administração, com algumas das melhores escolas do país. Aécio fez isso em grande parte, cortando a burocracia. Ele tem uma equipe impressionante de conselheiros liderados por Armínio Fraga

O Miami Herald foi mais fundo, deixa bem claro que o Brasil serve de muleta para a manutenção das utopias de Maduro e Evo Morales em Bolívia e Venezuela, as quais chama de Socialismo do sec.XXI. Para o jornal norte-americano, uma eventual vitória de Aécio decretaria o fim da aventura bolivariana-socialista de Nicolas Maduro, Evo Morales e até Cristina Crishner. O artigo também critica duramente o governo brasileiro, insinuando que o Brasil faz vista grossa ao tráfico de drogas em fronteiras com países alinhados com o Foro de São Paulo.

“O tsunami também atingiria a Argentina nas eleições do próximo ano, ajudando a acabar com a estrutura populista da presidente Cristina Fernández Kirchner. Idem para a Bolívia, onde o presidente Evo Morales perderia um grande aliado que não se importava que a cocaína a partir de seu país entrasse no Brasil em toneladas.”

O site especializado em economia, Inteligence Unit, diz que Aécio com sua políticas mais ortodoxas deve ser capaz de “iluminar as perspectivas do país”.


Publicação de Revista Sociedade MILITAR. http://sociedademilitar.com.br

16 de outubro de 2014

O BRASIL precisa mudar, Diz The Economist.







Em 2010, quando os brasileiros elegeram Dilma Roussef como presidente, o país parecia finalmente estar à altura de seu enorme potencial. A economia cresceu 7,5% naquele ano, o índice selou os oito anos de crescimento rápido e queda acentuada na pobreza sob o comando de Luiz Inácio Lula da Silva, mentor político de Dilma Roussef e líder do Partido dos Trabalhadores, de centro-esquerda (PT). Mas, quatro anos depois a euforia desapareceu. Sob a batuta de Dilma Rousseff a economia estagnou e o progresso social diminuiu. Hoje o Brasil é, de longe, o membro mais fraco do Brics, bloco formado por grandes economias emergentes. Em junho de 2013 mais de um milhão de brasileiros saíram às ruas para protestar contra serviços públicos ruins e corrupção política.

Desde que os protestos nas urnas mostraram que dois terços dos entrevistados quer que o próximo presidente seja diferente. No pleito, Dilma garantiu 41,6% dos votos e continua a ser o candidato favorito para ganhar a eleição do segundo turno, em 26 de outubro. Isso ocorre principalmente porque a maioria dos brasileiros ainda não sentiu o desastre econômico em suas vidas diárias, embora devam sentir em breve.

Aécio Neves do partido de centro-direita da Social Democracia Brasileira (PSDB), que conquistou 33,6%, tem se esforçado para convencer os brasileiros mais pobres que as reformas que ele diz que o país precisa urgentemente deverá beneficiá-los, e não  prejudicá-los. Se o Brasil quer evitar mais quatro anos de deriva econômica, é vital que ele consiga fazê-lo.

Uma campanha derrubada pelo destino.

A Tarefa do Sr. Aécio Neves foi dificultada por uma tragédia, tão dramático como uma telenovela brasileira. Dois meses atrás, o terceiro colocado, o candidato Eduardo Campos, morreu em um acidente de avião a caminho de um comício. Sua ex-companheira de chapa e substituta, Marina Silva, subiu para a liderança nas pesquisas. Uma ambientalista, Marina Silva é a queridinha dos manifestantes, o símbolo de uma "nova política". Confrontada com ataques às vezes desleais de Dilma Rousseff, Marina Silva pereceu. Não ajudou em nada o fato de ela ser uma protestante evangélica num país em que ainda é de maioria católica. No final, a sua cota de 21% dos votos foi quase maior do que ela conseguiu em 2010.  O segundo turno vai repetir a batalha entre o PT e o PSDB que define as eleições presidenciais tudo do Brasil desde 1994 .
Neste percurso, o principal trunfo da Dilma é a gratidão popular pelo chamado pleno emprego, salários mais altos e uma alavanca de eficazes “programas-não-sociais” apenas  fluxos de transferências do Bolsa Família, mais habitação de baixo custo, bolsas de estudo e programas rurais de energia elétrica e de água no pobre nordeste. Estas são conquistas reais. Mas ao lado dessas conquistas há desastres, embora menos palpáveis, tanto na economia como na política.
A economia mundial está conturbada e o grande boom de commodities prejudicaram o Brasil. Mas o país tem se saído pior do que os seus vizinhos latino-americanos. A intromissão constante de Dilma nas políticas macroeconômicas e as tentativas de regular o setor privado fizeram o investimento cair. Ela tem feito alguns esforços para resolver os problemas estruturais do Brasil: a sua infra-estrutura precária, altos custos do sistema fiscal, montanhas de burocracia e um código de trabalho rígido, copiado de Mussolini.
Dilma reviveu o tempo de estado corporativo do Brasil, servindo-se favores para apadrinhados, como incentivos fiscais e empréstimos subsidiados de bancos estatais inchados. Ela prejudicou muito a Petrobras, a companhia estatal de petróleo, e a indústria de etanol, mantendo pressionado o preço da gasolina para mitigar o impacto inflacionário de sua política fiscal. Um escândalo de corrupção na Petrobras salienta que é o PT, e não os seus opositores como reivindica Rousseff, que não é confiável.
Dilma retira força das falhas do Sr. Neves como candidato. Como governador de Minas Gerais, Aécio é citado por ter gasto dinheiro público em uma pista de vôo em cidade pequena, que só aconteceu de estar perto de sua fazenda. Durante os últimos 12 anos Lula, que ainda tem o apreço dos pobres, o PT tem caricaturado o PSDB como um partido de gatos gordos e sem coração.
No entanto, as políticas do Sr. Neves beneficiariam brasileiros pobres, bem como os prósperos. Ele promete colocar o país de volta no caminho do crescimento econômico. Seu registro, e o de seu partido, faz sua reivindicação credível. Nas presidências de Fernando Henrique Cardoso na década de 1990, o PSDB venceu a inflação e lançou as bases para o progresso recente do Brasil; e em dois mandatos como governador, o Sr. Neves transformou Minas Gerais, segundo estado mais populoso estado do Brasil, em um exemplo de boa administração, com algumas das melhores escolas do país. Aécio fez isso em grande parte, cortando a burocracia. Ele tem uma equipe impressionante de conselheiros liderados por Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central, que é respeitado por investidores. Aécio implementaria também um retorno à políticas macroeconómicas sólidas, há a promessa da equipe em reduzir o número de ministérios, tornar o Congresso mais responsável ​​perante os eleitores, simplificar o sistema fiscal e aumentar o investimento privado em infra-estrutura.
Sr. Aécio Neves merece ganhar. Ele lutou uma campanha tenaz e provou que ele pode implementar suas políticas econômicas. A maior ameaça para os programas sociais é a má gestão da economia do PT. Com sorte o aval de Marina Silva, ex-petista nascido na pobreza, deve reforçar a sua campanha. O Brasil precisa de crescimento e melhor governo. Sr. Neves é mais provável para fazer isso do que Dilma Roussef.

15 de outubro de 2014

É o cúmulo da idiotice!!! Ator norte americano DANNY GLOVER declara apoio a Dilma Roussef.







O site esquerdista 247 publicou hoje em letras garrafais.
Ator norte americano DANNY GLOVER declara apoio a Dilma Roussef.”
A sociedade anti-PT deve estar morrendo de medo, é o fim! Agora o vasto eleitorado que vota baseado nas opiniões políticas de DANNY GLOVER vai votar em Dilma Roussef.
Desculpem dizer isso. Mas não acham uma idiotice os petistas divulgarem uma nota como essa.?

Disputa entre GIGANTES da Igreja cristã esquenta eleições.





O bispo Edir Macedo, com o nome manchado por seguidas denuncias de corrupção e imagens em que ensinava seus discípulos sobre como arrecadar mais dinheiro em suas igrejas, se vê numa situação constrangedora nas ultimas semanas, grande parte dos freqüentadores de suas igrejas declara que optou por votar na candidata Marina Silva, que é cristã declarada e agora apóia Aécio Neves. Edir Macedo da várias demonstrações de que apóia a candidata petista. Ele recebeu Dilma há pouco tempo em seu templo gigantesco em São Paulo, uma imitação em maior tamanho do antigo templo de Salomão. Edir é bastante criticado pelos cristãos em geral não só por sua pregação de formulas mágicas para enriquecimento, venda de objetos milagrosos como saquinhos de sal e águas ungidas.
Uma das ultimas e mais controversas decisões de Macedo foi determinar aos seus Bispos que se vistam como rabinos judaicos, segundo Macedo o seu novo templo agora é a morada de deus aqui na terra.
O partido dos trabalhadores, apesar do apoio de Macedo, não sabe muito bem lidar com essa questão, pois divulgar o apoio de personagem tão controverso talvez seja mais prejudicial do que lucrativo. Edir Macedo é tio de Marcelo Crivella, candidato ao governo do estado do Rio de Janeiro, que foi Ministro da Pesca da atual presidente e candidata, e apóia sua re-eleição.
Há pouco mais de uma semana o pastor Silas Malafaia, opositor ferrenho de Dilma, fez uma declaração interessante sobre isso, ele disse: "O pessoal do PT esconde, mas o Edir Macedo, da Universal, apóia a (reeleição da presidente) Dilma (Roussef). Eu apoio (o tucano) Aécio (Neves). Por que o PT esconde o apoio do Edir Macedo?”
O pastor da Igreja “Vitória em Cristo” faz todos os dias comentários sobre declarações de Dilma Roussef em sua campanha. Segundo Malafaia as declarações de Dilma são mentirosas, ele diz também que após as eleições o PT lutará contra valores cristãos.
Silas Malafaia talvez seja atualmente o líder cristão mais conhecido do país. Edir Macedo é líder da maior igreja do país, com mais de 6 mil templos e quase dois milhões de seguidores. Contudo, Malafaia mesmo liderando uma igreja bem menor, tem uma influência mais abrangente, já vendeu mais de 5 milhões de livros e tem um público bastante fiel, que independente de que fé cristã professe, dá Crédito aos seus posicionamentos e o tem como principal formador de opinião em questões ligadas à igreja cristã.
Diferente de Edir Macedo, Malafaia não tem sobre si acusações de corrupção, e isso é uma grande vantagem.
Não se sabe se por manobra estratégica, já que fora da TV teria menos espaço para criticar o governo ou líderes de outras denominações, ou simplesmente por questões financeiras, ele foi praticamente tirado da televisão aberta. Contudo, independente de possuir menor espaço, Malafaia joga bem em vários campos. Ele é um mestre no uso da internet e literatura cristã. Só no facebook o pastor tem mais de 700 mil seguidores. Aliás, ele cresceu junto com a grande rede, assim como a maioria das pessoas que, independente de que segmento cristão professem, dão crédito às sua declarações.
Recentemente, percebendo que o PT tem tentado assustar a sociedade dizendo que Aécio Neves acabaria com as bolsas do governo, Malafaia divulgou um vídeo em que o presidente Lula diz que a melhor maneira de manipular a sociedade mais carente é por meio da distribuição de alimentos. Independente do vídeo ter dificuldades de ser transmitido pelo Youtube, Malafaia ainda o mantém em seu site, com capacidade de alcançar milhares de pessoas simultaneamente.
Em breve acabará essa disputa de titãs da Igreja Cristã. Percebe-se que hoje a tendência é de que Aécio Neves seja eleito como novo presidente do Brasil.

14 de outubro de 2014

PT, PSDB e a questão dos aliados.


A candidata Dilma Roussef sofre uma carência interessante nessa campanha. Não há um grande nome do PT que possa estar ao seu lado nos palanques e mesmo na TV. A presidente tem que posar sozinha já que os “astros” do Partido dos Trabalhadores, que outrora desfilavam como se fossem heróis da democracia, são agora reconhecidos apenas como criminosos condenados.
Alguns estão presos, em celas ou em prisão domiciliar, e outros, como o próprio ex-presidente  LULA, que não foi responsabilizado, mas foi quem colocou José Dirceu e outros em altos postos da administração pública, estão tão associados a ladroagem que ocorreu nos últimos anos que sua presença ao lado de Dilma traria mais prejuízo do que lucro. A própria candidata - presidente não consegue escapar das suspeitas sobre a má gestão negociação de refinarias durante sua gestão como Presidente do Conselho da Petrobrás.  
Aécio Neves, por outro lado, tem certa fartura de grandes nomes. Entre eles poderíamos citar Fernando Henrique Cardoso e a Própria Marina Silva. Nenhum dos dois tem sequer acusação de corrupção pairando sobre suas cabeças.
Alguns dizem que Marina deve comparecer aos debates acompanhando Aécio Neves. Quem será que Dilma Roussef vai levar?